Carregando...
Time Brasil

Títulos, medalhas históricas e vaga em Paris: Brasil tem fim de semana inesquecível no esporte olímpico

Show de Rayssa Leal na SLS e medalhas no Mundial de Ginástica Artística são os destaques de dias repletos de conquistas para o país

Títulos, medalhas históricas e vaga em Paris: Brasil tem fim de semana inesquecível no esporte olímpico
Rayssa Leal com o troféu da SLS. Foto: Paulo Macedo/SLS

O esporte olímpico brasileiro teve um fim de semana para guardar nos livros e na memória. Foram várias conquistas e medalhas históricas, em diversas modalidades. Título mundial de skate, mais medalhas no Mundial de Ginástica Artística, vagas confirmada em Paris, ouro no tênis de mesa e muito mais. 


Confira abaixo os principais destaques do vitorioso fim de semana do Time Brasil pelo mundo:


Show da Fadinha na SLS no Rio  

Rayssa Leal está viciada em conquistar títulos e dominar o skate feminino mundial. E foi isso que ela fez mais uma vez neste domingo, ao vencer o Super Crown, no Rio de Janeiro, e garantir o troféu da SLS, principal competição da modalidade. 

A Fadinha venceu todas as etapas do circuito neste ano. A vitória no Rio coroou a temporada perfeita da brasileira medalhista olímpico, que mais uma vez garantiu o título com uma manobra perfeita em sua última tentativa. 


Campanha histórica no Mundial de Ginástica Artística  

O Brasil encerrou sua participação no Mundial de Ginástica Artística em Liverpool, na Inglaterra, de maneira histórica. Foram mais duas medalhas conquistadas, confirmando o melhor desempenho do país em todos os tempos. 

Depois de ser campeã mundial no individual geral, Rebeca Andrade fez sua última apresentação com o Baile de Favela de maneira especial. Ela ficou com a medalha de bronze no solo, ao receber 13,733 pontos. 

Quem também levou o bronze para casa foi Arthur Nory, na barra fixa. Campeão mundial em 2019, ele voltou ao pódio com a nota 14,466.

Arthur Nory com a medalha de bronze. Foto: Ricardo Bufolin/CBG


Vaga em Paris no tiro  

O Brasil conquistou mais uma vaga nos Jogos Olímpicos de Paris 2024 neste fim de semana. Ela veio com Philipe Chateubrian, do tiro esportivo. Ele conquistou o Campeonato das Américas na pistola 10m e garantiu a classificação. 

Essa é a segunda vaga confirmada do Brasil para Paris. A outra foi conquistada pela seleção feminina de futebol, que conquistou a Copa América da modalidade. 


Medalha de ouro para Hugo Calderano 

O principal mesatenista do Brasil mostrou mais uma vez que segue entre os melhores do mundo na modalidade. Hugo Calderano conquistou a medalha de ouro no Pan-americano, disputado em Santiago, ao vencer Kanak Jha, dos Estados Unidos, por 4 a 0 na decisão.

O país ainda levou mais duas medalhas no torneio. Nas duplas femininas, Luca Kumahara e Giulia Takahashi ficaram com a prata, enquanto Eric Jouti e Vitor Ishiy foram bronze na dupla masculina. 


Conquista histórica no tênis  

A nova geração do tênis brasileiro fez história no fim de semana. O país conquistou a Copa Davis Júnior pela primeira vez. A competição, realizada na Turquia, foi disputada por atletas até 16 anos. A equipe formada por João Fonseca, Pedro Rodrigues e Gustavo Almeida venceu os Estados Unidos por 2 a 0 e garantiu o título. 

Com as vitórias de Gustavo de Almeida e João Fonseca nas partidas de simples, não houve a necessidade da partida de duplas e o Brasil confirmou mais uma conquista histórica no tênis. 


Ouro no vôlei de praia  

O Brasil segue dominando o Circuito Mundial de Vôlei de Praia. Neste fim de semana, Talita e Thamela conquistaram a etapa da África do Sul ao vencerem Cannon e Spocil, dos Estados Unidos, por 2 a 0. Foi a primeira final da dupla brasileira no circuito, e já com medalha dourada. 

Quem também subiu no pódio foi a dupla campeã mundial, formada por Duda e Ana Patrícia. Elas ficaram com o bronze ao derrotarem Placette e Richard, da França, por 2 a 0. 


Danielzinho vai bem em NY  

O maratonista Daniel do Nascimento fez um bom papel na tradicional maratona de Nova Iorque, nos Estados Unidos. Ele liderou boa parte da prova, com mais de dois minutos de diferença para o segundo colocado, mas acabou abandonando a disputa a cerca de 10km do final. A vitória foi do queniano Evans Chebet. 


Título no hipismo  

O Brasil também conquistou medalhas de ouro no hipismo neste fim de semana, no Sul-americano de Concurso Completo de Equitação, disputado na Argentina. Na competição por equipes, o conjunto brasileiro, formado por Marcio Appel/Nektar, Pedro Henrique de Resende Nunes/Tamanho do Rincão, Marcio Carvalho Jorge Lovelocks Rumplestiltskin e Carlos Parro/Tullabeg somou 130,6 pontos perdidos e garantiu o título e a vaga no Pan Santiago 2023. 

Nas disputas individuais, Carlos Parro/Tullabeg também ficou com o ouro, enquanto Ricky Candi/Nice foi bronze.


Medalhas no basquete 3x3  

O Brasil teve um ótimo desempenho na AmeriCup de Basquete 3x3, realizada em Miami. A equipe feminina ficou com a medalha de prata, ao perder para o Canadá por 15 a 11 na decisão. Já os homens conquistaram o bronze depois da vitória por 21 a 9 sobre Trinidad e Tobago.

Outras notícias + Lista completa