Carregando...
Time Brasil

STU National abre o calendário brasileiro de skate e valerá pontos para a corrida olímpica

Nomes importantes do skate brasileiro nas modalidades olímpicas Street e Park estarão em Criciúma (SC) dos dias 21 a 24 de janeiro


Compartilhe
STU National abre o calendário brasileiro de skate e valerá pontos para a corrida olímpica
Pablo Vaz

O mais novo e um dos mais modernos skateparks do Brasil, localizado na cidade de Criciúma (SC), receberá dos dias 21 a 24 de janeiro os principais nomes do skate brasileiro e mundial, nas modalidades olímpicas Street e Park, seguindo um rígido protocolo de segurança sanitária para a disputa do STU National. A competição é responsável por abrir o calendário e o Ranking Brasileiro de skate no ano de preparação para os Jogos Olímpicos de Tóquio em 2021. Chancelado pela Confederação Brasileira de Skate (CBSk) e pela World Skate (WS), o STU National contará pontos no ranqueamento dos skatistas brasileiros na segunda janela de pontuação da corrida olímpica e terá transmissão ao vivo no programa dominical Esporte Espetacular, na Globo, e no Sportv.

Skatistas brasileiros reconhecidos mundialmente como Pedro Barros, Murilo Peres, Luiz Francisco, Dora Varela, Yndiara Asp, Felipe Gustavo e Rayssa Leal são alguns dos nomes que ocupam hoje as primeiras posições do ranking mundial e estão confirmados na competição.

"É muito gratificante para a CBSk começar o ano com o retorno do Circuito Brasileiro, ainda mais valendo pontos para a corrida olímpica. Santa Catarina é um dos grandes centros do skate nacional e Criciúma tem um dos melhores complexos de skate do Brasil. É a certeza de um evento de altíssimo nível e extremamente importante nessa preparação para a estreia do skateboard nos Jogos Olímpicos", diz Eduardo Musa, presidente da CBSk.

Para a realização do evento, será utilizado o Protocolo STU Covid Free, desenvolvido pelo Dr. Carlos Wahle, coordenador médico da Plataforma STU, e que já foi aplicado com sucesso na etapa de São Paulo (dezembro/2020). O protocolo segue todas as diretrizes municipais, estaduais e da Organização Mundial da Saúde (OMS), frente ao combate da pandemia da Covid-19, e prevê a realização das competições no cenário de restrição máxima. Isto é, em uma área totalmente isolada, sem a presença de público espectador e somente com a participação dos skatistas competidores e o mínimo de staff necessário para a operação do evento. 

Além disso, outras medidas preventivas serão adotadas, como a testagem em massa de todos os integrantes do evento (competidores, staff etc), em um processo de triagem a ser realizado no primeiro dia de treinos; sanitização completa de todas as áreas de circulação de pessoas; aferição de temperatura em diferentes ambientes; uso de EPI´s obrigatórios por todos os profissionais; e o distanciamento mínimo obrigatório de todos os participantes.

O evento que nos últimos 3 anos foi realizado em Florianópolis, será realizado em Criciúma em função da nova estrutura de pistas inaugurada na cidade. Um dos complexos de skate mais modernos do país.

"Para o STU é muito gratificante abrir o ano já com uma competição de nível nacional e olímpico, reunindo os principais nomes do skate das duas modalidades. Ainda mais depois de um ano tão desafiador. O evento vai seguir todos os protocolos sanitários necessários, a fim de garantir uma competição segura para todos. Vale lembrar que em dezembro já iniciamos a aplicação do Protocolo STU Covid Free na etapa do STU de São Paulo e a competição aconteceu com sucesso", comenta Eduardo Quintes, Gestor Executivo da Plataforma STU. 

Fonte: CBSk

Outras notícias + Lista completa
Patrocinadores Olímpicos Mundiais
Patrocinadores Oficiais
Apoiadores Oficiais
Parceiros Oficiais
Fornecedores Oficiais
Recursos das Loterias Federais