Carregando...
Time Brasil

Marcela Mello é vice-campeã do Pan de Tiro em Casa do Pentatlo Moderno

Com apenas 15 anos, carioca conquistou a prata no torneio virtual que reuniu 16 competidoras


Compartilhe
Marcela Mello é vice-campeã do Pan de Tiro em Casa do Pentatlo Moderno
Divulgação CBPM

A brasileira Marcella Melo foi a vice-campeã do Campeonato Pan-Americano de Tiro em Casa. Com apenas 15 anos, ela conquistou a prata ao encarar a grande final do torneio virtual nesta sexta, 5, contra a mexicana Julia Ventura Romero. Em uma melhor de cinco, a adversária da carioca foi a mais rápida em três séries de cinco acertos no alvo.

“A Final não foi como eu esperava, não em quesito de ganhar, mas de resultado pessoal. Tenho consciência de que poderia ter atirado um pouco melhor. Acabei ficando um pouco nervosa e errei um pouco, mas fiquei muito feliz com meu resultado”, destaca Marcella.

O Pan de Tiro em Casa foi realizado pela Federação Mexicana de Pentatlo Moderno. Além da disputa feminina, o torneio teve evento masculino e infantil, para pentatletas sub-13. No total, foram 66 participantes (21 sub-13, 16 na prova entre as mulheres e 29 entre os homens) de oito países (Brasil Bolívia, Equador, Guatemala, México, Panamá, Peru e Venezuela). 

Além da carioca, o Brasil também teve outros quatro pentatletas no torneio, três no masculino e mais uma no feminino. Eles foram deixando a disputa ao longo das eliminatórias. Marcela foi revelada no PentaJovem, projeto que a Confederação Brasileira de Pentatlo Moderno (CBPM) mantém para a descoberta e formação de novos nomes na modalidade olímpica. Apesar da pouca idade, ela já participou de diversas competições internacionais, na Argentina, Bulgária e Polônia.

A carioca conquistou o bronze na disputa principal do último Brasileiro, foi ouro no último Sul-Americano Sub-19 e prata Júnior no revezamento misto do Sula Sênior e Jr. do ano passado.

Na disputa tradicional do Pentatlo Moderno, o tiro a laser faz parte de um evento combinado com a corrida, ganhando o nome de laser-run. No Pan, houve apenas o tiro, com cada atleta tendo que completar três ou cinco séries de cinco acertos, atirando a uma distância de 10 metros do alvo. Após cada disparo, o atleta precisava abaixar o braço até a pistola e tocar em uma mesa de apoio, para em seguida erguê-lo novamente.


OUTROS BRASILEIROS NA DISPUTA

Masculino

. Victor Aguiar: Top 16

. William Muinhos: Top 16

. João Victor Acioly: Top 32


Feminino

. Ana Clara Bezerra: Top 16


Fonte: CBPM

Outras notícias + Lista completa
Patrocinadores Olímpicos Mundiais
Patrocinadores Oficiais
Apoiadores Oficiais
Parceiros Oficiais
Fornecedores Oficiais
Recursos das Loterias Federais