Carregando...
Lima 2019

Há 24 anos sem perder no Pan, seleção feminina de handebol estreia contra Cuba

Medalha de ouro em Lima assegura a classificação da equipe para Tóquio 2020


Compartilhe
Há 24 anos sem perder no Pan, seleção feminina de handebol estreia contra Cuba

A cerimônia de abertura dos Jogos Pan-americanos Lima 2019 está marcada para a próxima sexta-feira, 26 de julho, mas a seleção feminina de handebol já entra em quadra nesta quarta, 24. A equipe comandada pelo espanhol Jorge Dueñas enfrenta Cuba, às 22h30, no horário de Brasília (20h30, horário local), no Ginásio Polideportivo 1, da Villa Deportiva Nacional (VIDENA). A competição é fundamental para o Brasil, já que o campeão do torneio garante vaga nos Jogos Olímpicos Tóquio 2020.

“Viemos de quase três semanas de preparação. Será um jogo muito duro, porque elas são muito fortes fisicamente e tem um estilo de handebol diferente do nosso. Mas temos essa responsabilidade de manter uma hegemonia continental e buscar o nosso principal objetivo, que é a vaga olímpica”, afirmou Babi Arenhart, goleira da seleção e bicampeã pan-americana (Guadalajara 2011 e Toronto 2015).

Atual pentacampeã do torneio, a seleção feminina, que conta com seis atletas campeãs mundiais em 2013 – Ana Paula, Babi, Deonise, Duda Amorim, Elaine e Mariana Costa – vai atrás do sexto título consecutivo. A última derrota da equipe em Jogos Pan-americanos foi em 20 de março de 1995, em Mar del Plata (Argentina), para os Estados Unidos: 29x26. Treinador da seleção, o espanhol Jorge Dueñas analisou a experiência da equipe e o processo de renovação de jogadoras.

“Essa renovação deve ser feita pouco a pouco. Fomos introduzindo novas jogadoras, mas mantivemos cinco que foram ao Rio 2016. É importante termos um equilíbrio entre experientes e jovens”.

O treinador também analisou a evolução da equipe cubana e alertou para os perigos que a seleção pode encontrar: “Cuba está mais forte, já tem algumas jogadoras atuando na Europa, em clubes espanhóis e franceses. Temos que jogar com inteligência e taticamente, ao invés de apostar em um jogo físico, onde elas são muito fortes”. 

A seleção feminina está no Grupo A, ao lado de Canadá e Porto Rico. Os próximos jogos da equipe estão programados para 25 e 27 de julho.

25 de julho – Brasil x Canadá (22h30 – horário de Brasília)
27 de julho – Brasil x Porto Rico (20h – horário de Brasília)

Outras notícias + Lista completa
Patrocinadores Olímpicos Mundiais
Patrocinadores Oficiais
Apoiadores Oficiais
Parceiros Oficiais
Fornecedores Oficiais
Recursos das Loterias Federais