Carregando...
COB

De olho em Paris 2024, COB promove workshop para auxiliar atletas no uso das redes sociais

Efeitos psicológicos da vida digital e maneiras de transformar rotina de treinamentos em conteúdo foram alguns dos temas abordados em encontro nesta segunda-feira

Workshop do COB sobre boas práticas de Redes Sociais em Paris 2024 foi realizado nesta segunda (17)

A pouco mais de um mês do início dos Jogos Olímpicos Paris 2024, o Comitê Olímpico do Brasil (COB) promoveu, nesta segunda-feira (17), um workshop para auxiliar atletas, assessores e confederações no uso das mídias sociais e internet. A iniciativa soma-se a outras ações feitas pela entidade ao longo dos últimos meses visando uma preparação 360º da delegação para o maior evento do ciclo olímpico.

O workshop, realizado de forma online, abordou uma série de temas, como os efeitos psicológicos da vida digital no esporte; insights e direcionais de conteúdo; formas de transformar o dia a dia e a rotina do atleta em conteúdos nas redes sociais; como se posicionar diante de narrativas negativas nas redes; e formas de atletas influenciadores estabelecerem suas presenças online.

Além desses temas, o COB ainda introduziu regras do Comitê Olímpico Internacional (COI), que estabelecem limites para a produção de conteúdo e para a exposição de patrocinadores não-parceiros do movimento olímpico. Ao longo do encontro, a entidade contou com a participação das agências End to End e AP Exata e de representantes do TikTok e da Meta.

"Hoje, o uso das redes sociais como meio de comunicação com o público é uma realidade que está presente em todos os segmentos da sociedade, e no esporte olímpico não é diferente. Diante deste cenário e com a proximidade dos Jogos de Paris, muitas dúvidas surgem sobre o que os atletas e suas equipes podem ou não fazer. Com esse workshop conseguimos esclarecer várias questões e passamos orientações valiosas. De toda forma, seguimos à disposição dos atletas e das confederações para auxiliar em novos questionamentos que possam surgir a respeito desse tema", explicou Paulo Roberto Conde, diretor de Comunicação do Comitê Olímpico do Brasil. 


Outras notícias + Lista completa