Carregando...
Jogos da Juventude

COB realiza visitas às instalações da cidade-sede dos Jogos da Juventude de 2022

Aracaju (SE) receberá o evento multiesportivo entre os dias 2 e 17 de setembro

COB realiza visitas às instalações da cidade-sede dos Jogos da Juventude de 2022
Divulgação SEDUC/SE

Os Jogos da Juventude de 2022 serão realizados em Aracaju, entre os dias 2 e 17 de setembro. Para que tudo ocorra conforme o planejado, o Comitê Olímpico do Brasil (COB), organizador do evento multiesportivo, realiza uma série de visitas às instalações muito antes do início da competição. Durante toda esta semana a equipe da área de Desenvolvimento Esportivo do COB se reuniu, na capital sergipana, com diversos setores envolvidos nos Jogos. 

“É uma etapa de definições importantes para a realização de um evento de sucesso. Nos reunimos com os principais envolvidos na entrega da competição por parte da cidade-sede que, ao lado do Governo de Sergipe, são nossos parceiros na gestão dos Jogos da Juventude”, disse o gerente executivo da área de Desenvolvimento Esportivo do COB, Kenji Saito. 

As visitas começaram pelo Centro de Convenções AM Malls, onde serão montados restaurante, espaço de convivência, centro de avaliação e monitoramento, além da arena de competições e o comitê organizador. As equipes da organização também visitaram 17 instalações esportivas, das quais 15 serão utilizadas durante os Jogos da Juventude, sendo 10 simultaneamente, e em seguida se reuniram com representantes de mais de 20 hotéis da cidade de Aracaju. 

Reunião com representantes da rede hoteleira de Aracaju (SE).

Além disso, também houve um encontro com a Superintendência de Comunicação e Marketing do Estado de Sergipe para tratar sobre a divulgação e identidade visual dos Jogos. O objetivo, portanto, é alinhar as ações e fazer os ajustes específicos, conforme as necessidades do evento. 

“Os Jogos da Juventude são bastante almejados pelos desportistas, assim como pela cidade que recebe a competição. Estamos trabalhando neste evento há pouco mais de dois anos, também pelo adiamento devido à pandemia, e concretizando todo o planejamento estabelecido. Seguimos todos extremamente otimistas na certeza de que os Jogos serão um sucesso”, afirmou a superintendente especial de Esportes do Estado de Sergipe, Mariana Dantas.  

Equipes do COB, Centro de Convenções e da cidade-sede reunidas no alinhamento das ações.

O COB, contudo, não se preocupa apenas com a parte esportiva, mas, também, em promover ações de sustentabilidade e minimizar os impactos ambientais na cidade que sedia os Jogos. Neste sentido, representantes do Comitê foram recebidos pelo presidente da Empresa Municipal de Serviços Urbanos (Emsurb), Luiz Roberto Dantas, e estiveram na Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Aracaju (Sema) para dialogar acerca destes assuntos, bem como a destinação dos resíduos gerados durante o evento.

“Fomos muito bem-recebidos e estamos surpresos positivamente com o empenho da prefeitura e do estado no processo de coleta seletiva do lixo e resíduos, alinhado ao nosso comprometimento em causar o mínimo de impacto ambiental possível durante a realização dos Jogos”, finalizou Kenji Saito.

Outras notícias + Lista completa