Carregando...
Time Brasil

Brasil se despede do Campeonato Mundial de Escalada Hachioji 2019

César Grosso, Felipe Ho, Thaís Makino e Bianca Castro competiram no Japão; evento termina no dia 21, com as finais da escalada combinada


17/08/2019 06:02:00
Compartilhe
Brasil se despede do Campeonato Mundial de Escalada Hachioji 2019
Valter França/COB

O Brasil encerrou neste sábado, 17, sua participação no Campeonato Mundial de Escalada Hachioji 2019. A competição, que começou no último dia 11, vai até o próximo dia 21, com as finais da escalada combinada. César Grosso, Felipe Ho, Thaís Makino e Bianca Castro foram os representantes brasileiros no evento no Japão, que serviu como preparação para os Jogos Olímpicos, mas não ficaram entre os 20 melhores na fase classificatória e, por isso, não avançaram às finais. O quarteto competiu nas provas de velocidade (speed), dificuldade (lead) e boulder.

“Os atletas sentiram um pouco a falta de experiência internacional. Precisamos melhorar as especificidades também. Entre os homens, a melhor participação foi do Cesinha, atleta com muita bagagem, o único que está rodando o circuito da Copa do Mundo em busca de uma vaga na seletiva olímpica. O Felipe Ho escorregou em uma das rotas do lead, mas foi o melhor no speed, mesmo treinando praticamente só no Brasil”, disse Janine Cardoso, diretora técnica.

“Entre as mulheres, a Thaís foi a brasileira melhor colocada no boulder e no speed. Já a Bianca participou de um Mundial pela primeira vez, conseguindo uma boa colocação no lead e, por isso, consideramos uma participação muito positiva para quem não tem experiência profissional”, completou Janine.

A competição começou com a disputa do boulder, prova que tem como objetivo solucionar os problemas estabelecidos pelos organizadores da competição para chegar até o topo da parede, nos dias 11 para as mulheres e 12 para os homens. As melhores colocações foram de Thaís, 61ª entre 79 atletas, e César Grosso, 69º entre 102 participantes. No lead, Cesinha, mais uma vez, foi o destaque: 56º entre 99 inscritos. Já a estreante Bianca Castro completou a prova na 59ª colocação (92 participantes).

Encerrando a participação do Brasil no Mundial, os quatro brasileiros disputaram a prova de velocidade, e Felipe Ho fez o melhor tempo entre os brasileiros: 7.36 segundos. O recorde brasileiro em paredes oficiais pertence a César Grosso (7.14), enquanto o mundial é do iraniano Reza Alipour Shenazandifard, com incríveis 5.48. Entre as mulheres, Thaís Makino foi o grande destaque e bateu o recorde brasileiro: 13.06.

Outras notícias + Lista completa
Patrocinadores Olímpicos Mundiais
Patrocinadores Oficiais
Apoiadores Oficiais
Parceiros Oficiais
Fornecedores Oficiais