Carregando...
Time Brasil

Beatriz Ferreira conquista ouro inédito para o boxe brasileiro no Strandja Tournament

Brasil bateu recorde de medalhas na competição disputada na Bulgária, a mais tradicional do Circuito Europeu


Compartilhe
Beatriz Ferreira conquista ouro inédito para o boxe brasileiro no Strandja Tournament

O boxe brasileiro fez história nesta terça-feira (19). Beatriz Ferreira (60kg) conquistou a inédita medalha de ouro para o Brasil no Strandja Tournament, competição mais tradicional do Circuito Europeu da modalidade, que está na 70ª edição. Na Bulgária, Bia venceu na final a sueca Agnes Alexiusson, 5ª colocada no último Campeonato Mundial, com um resultado expressivo por 5x0 na pontuação final de rounds. A categoria teve a participação de 28 atletas.

Além disso, o Brasil garantiu o recorde de medalhas na competição, já que os homens ainda conseguiram três bronzes. As medalhas vieram dos punhos de Douglas Andrade (52kg), Wanderson Oliveira (60kg) e Abner Teixeira (91kg).

O feito dos atletas brasileiros ganha ainda mais importância porque em 2019 o Strandja Tournament contou com o maior número de países e atletas participantes na história, deixando o nível técnico equivalente ao de um Mundial. Foram mais de 300 atletas de 40 países.

Além dos medalhistas, o Brasil foi representado ainda por Carlos Rocha (56kg), Luiz Fernando (69kg), Hebert Sousa (75kg), Keno Machado (81kg), Cosme Nascimento (+91kg), Graziele Jesus (51kg), Jucielen Romeu (57kg), Beatriz Gabriely (69kg) e Flávia Figueiredo (75kg). Os treinadores foram Mateus Alves e Leo Macedo.

Histórico
2012 – 28 países participantes – 1 bronze com Esquiva Falcão (75kg)
2013 – 16 países – 2 Bronzes com Robson Conceição (60kg) e Roberto Custódio (69kg)
2014 – 22 países –  1 Bronze com Joedison de Jesus (64kg)
2015 – 34 países – sem medalha
2018 – 32 países – 1 Bronze Abner Teixeira (91kg) e; 1 Prata com Beatriz Ferreira (60kg)
2019 – 40 países participantes – Brasil recorde de medalhas: 3 Bronzes – Douglas Andrade (52kg), Wanderson Oliveira (60kg) e Abner Teixeira (91kg) – e Ouro com Beatriz Ferreira (60kg)

Fonte: CBBoxe
 

Outras notícias + Lista completa
Patrocinadores Olímpicos Mundiais
Patrocinadores Oficiais
Apoiadores Oficiais
Parceiros Oficiais
Fornecedores Oficiais
Recursos das Loterias Federais