Carregando...
Time Brasil

Arqueiros brasileiros se despedem do Mundial da Juventude e miram vaga na seleção adulta

Ana Luiza Caetano, de 16 anos, obtém o melhor resultado do país em Madri (Espanha): 9° lugar


23/08/2019 20:07:00
Compartilhe
Arqueiros brasileiros se despedem do Mundial da Juventude e miram vaga na seleção adulta
World Archery/Divulgação

Com a participação de dois atletas que disputaram os Jogos Pan-americanos Lima 2019 e de três que foram ao Mundial da Holanda, também nesta temporada, a seleção brasileira de tiro com arco finalizou sua participação no Campeonato Mundial da Juventude, em Madri (Espanha).

O melhor resultado do país foi conquistado por Ana Luiza Caetano, de 16 anos, que competiu na categoria Cadete: 9° lugar. Lulu, como também é conhecida, teve pouco tempo de descanso após o Pan de Lima e, mesmo assim, obteve um bom desempenho: somou 638 pontos na fase classificatória e, nos combates, eliminou adversárias de países tradicionais na modalidade, como Estados Unidos e China.

“Estou satisfeita com o meu resultado, evoluí muito do último Mundial para esse. Há um ano, a americana (Catalina Gnoriega) atirava melhor do que eu. Depois, ganhei de 6 a 2 da chinesa (Kaili Ma), que foi a sétima na classificação. Acabei perdendo nas oitavas para a russa (Tuiana Budazhapova) em um combate de alto nível”, disse a adolescente, natural de Maricá (RJ).

Na categoria Juvenil, os dois principais nomes da equipe brasileira foram Marcelo Costa, 18 anos, que integrou o programa Vivência Olímpica no Rio 2016 e também disputou o Pan de Lima, e Ana Clara Machado, 18, que participou do Mundial adulto este ano.

Marcelinho foi o 13° na classificatória, mas acabou sendo surpreendido na segunda rodada de combates pelo húngaro Matyas Balogh (6 a 2). Já Ana Clara, 12ª na qualificatória, perdeu para a polonesa Kamila Naploszek na terceira fase (6 a 4).

No retorno ao Brasil, o trio não terá muito tempo de descanso. Na próxima sexta-feira, 30 de agosto, eles disputam a Seletiva Rio Cup, em Maricá, que define os integrantes da seleção brasileira adulta e os mantém com chances de classificação para os Jogos Olímpicos Tóquio 2020.

Outras notícias + Lista completa
Patrocinadores Olímpicos Mundiais
Patrocinadores Oficiais
Apoiadores Oficiais
Parceiros Oficiais
Fornecedores Oficiais