Carregando...
Time Brasil

Depois de escolher defender o Brasil, esquiador Lucas Pinheiro visita instalações do COB

Campeão da Copa do Mundo de esqui alpino, que também tem ascendência norueguesa, conheceu o Centro de Treinamento e a sede da entidade, ao lado de representantes da CBDN

Depois de escolher defender o Brasil, esquiador Lucas Pinheiro visita instalações do COB
Maria Clara Aldrovande/COB

Um pouquinho do esporte olímpico do Brasil foi o que experimentou Lucas Pinheiro, esquiador bicampeão mundial júnior e medalhista de bronze no Campeonato Mundial de Esqui Alpino, nesta sexta-feira, 10. Filho de pai norueguês e mãe brasileira, o atleta que anunciou que defenderia o verde-amarelo no início de março, veio passar umas semanas no país e aproveitou para ser apresentado, ao lado do pai e da namorada, à estrutura que todos os atletas do Time Brasil encontram à disposição no Centro de Treinamento do Comitê Olímpico do Brasil (COB), na zona oeste do Rio de Janeiro. Na chegada ao local, foi recebido pelo Presidente Paulo Wanderley.

“Eu fiquei impressionado com o tamanho do Centro de Treinamento. Foi muito saber um pouco mais sobre o Laboratório Olímpico, sobre a sala de saúde e performance, encontrar com outros atletas tanto dos esportes de inverno quanto de verão. Sinto que agora eu tenho uma casa para treinar aqui no Brasil também. Sigo firme em busca do sonho do pódio olímpico em Milão-Cortina 2026”, disse Lucas.

“É muito importante ter um atleta como o Lucas Pinheiro, de reconhecido sucesso competitivo internacional, conhecendo as estruturas e estreitando laços com o COB. Esse é o primeiro passo para seguirmos apoiando, junto com a CBDN, todo o planejamento esportivo que for traçado para um melhor desempenho nos próximos Jogos Olímpicos de Inverno. Paris 2024 é a próxima Missão, mas trabalhamos sempre pensando para frente”, disse Paulo Wanderley.



Além dos familiares e de Pettersson, Lucas esteve acompanhado na visita do do CEO da CBDN, Pedro Cavazzoni. Campeão da Copa do Mundo da modalidade, ele conheceu as piscinas do Parque Aquático Maria Lenk, experimentou alguns testes no Laboratório Olímpico (LO) e encerrou a visita na Sala de Saúde e Performance, que integra a preparação física, fisioterapia, massoterapia, além de salas multiuso para profissionais médicos e de saúde mental.

Durante a visita, Lucas conversou com Nicole Silveira, 13º lugar nos Jogos Olímpicos de Inverno Pequim 2022, melhor resultado do Brasil em modalidade de gelo, que passou por avaliações no LO, e com os irmãos Augustinho e João Teixeira, do snowboard, que estão passando por temporada no Centro de Treinamento, focada na preparação física.