Carregando...
Time Brasil

Lais Nunes e Kamila Barbosa colocam Brasil no ranking mundial de wrestling

Na quarta posição, Lais pode ser cabeça-de-chave no Mundial do Cazaquistão


12/06/2019 12:00:00
Compartilhe
Lais Nunes e Kamila Barbosa colocam Brasil no ranking mundial de wrestling
Caio Baptista/CBW

A United World Wrestling divulgou nesta terça-feira uma atualização do ranking mundial de wrestling, que reúne os 20 melhores de cada categoria olímpica e não olímpica. A campeã pan-americana Lais Nunes aparece em quarto lugar na categoria até 62kg. Kamila Baborsa, quinto lugar no Torneio Internacional de Sassari, na Itália, aparece na décima oitava colocação entre as até 50kg. A posição de Lais a coloca até o momento como uma das cabeças-de-chave e do lado oposto das outras principais rivais da categoria no Campeonato Mundial de Wrestling 2019, em setembro no Cazaquistão, primeira seletiva olímpica para os Jogos Olímpicos. O Mundial classifica os seis primeiros colocados de cada categoria olímpica para Tóquio 2020.


“Fico muito feliz com essa colocação no ranking, fruto de muito esforço e trabalho que todos os envolvidos para que chegasse até aqui. Já estava dentro do planejamento estar entre as quatro melhores do mundo. O objetivo é nos mantermos e buscar sempre melhorar a posição. Graças a Deus o plano tem dado certo. Agora é continuar trabalhando e confiando”, explicou Lais, que só está atrás da búlgara campeã mundial e primeira colocada Taybe Yusein; da japonesa Yukako Kawai, segunda do ranking; e da norte-americana Mallory Velte.


Para Kamila Barbosa, o ingresso entre as melhores do mundo é inédito. Prestes a disputar pela segunda vez os Jogos Pan-americanos, Kamila sabe que pode melhorar a sétima colocação obtida em Toronto 2015 e explica os motivos que a fizeram entrar no Top 20 e a seguir em busca da tão sonhada vaga olímpica, mesmo após ficar fora dos Jogos Olímpicos Rio 2016.


“É uma emoção ímpar ver seu nome entre os melhores do mundo. Acredito que a principal razão para alcançar esse feito foi manter a chama do sonho olímpico acesa. Apesar das dificuldades de participar dos principais torneios que valem pontos para o ranking mundial, segui sonhando e acreditando neste sonho. Gostaria de agradecer ao treinador Nisdany Perez pelo excelente trabalho que tem feito na minha carreira e sinto que essa conquista foi mais um tijolinho rumo aos Jogos Pan-americanos e ao Mundial 2019”, afirmou Kamila.


Lais e Kamila vão representar o país nos Jogos Pan-americanos de Lima, ao lado de Camila Fama (até 53kg), Giullia Penalber (até 57kg) e Aline Silva (até 67kg), no wrestling feminino. Entre os homens, Joilson Júnior (até 67kg) e Angelo Moreira (até 77kg) competem no estilo greco-romano, enquanto Daniel Nascimento (até 57kg) e Antoine Jaoude (até 125kg), ambos do estilo livre, completam a delegação.


Como funciona o ranking mundial no Wrestling?

O Campeonato Mundial é o ponto de partida e vale mais pontos para o ranking mundial, seguido das competições continentais e do World Series. Os atletas somam pontos de acordo com a colocação e com o número de participantes em cada torneio. Os quatro melhores de cada categoria são colocados em lados opostos da chave para evitar um confronto precoce entre os principais nomes da divisão de peso de cada um dos três estilos olímpicos da modalidade: greco-romano, wrestling feminino e estilo livre.


Fonte: CBW

Outras notícias + Lista completa
Patrocinadores Olímpicos Mundiais
Patrocinadores Oficiais
Apoiadores Oficiais
Parceiros Oficiais
Fornecedores Oficiais