Carregando...
Time Brasil

Alison/Álvaro Filho e Talita/Taiana ficam com a prata em Moscou

Duplas brasileiras são superadas na final, após ótimas campanhas; lesão tira Guto/Saymon da disputa do bronze


19/08/2019 10:42:00
Compartilhe
Alison/Álvaro Filho e Talita/Taiana ficam com a prata em Moscou
FIVB/Divulgação

O Brasil conquistou duas medalhas de prata na etapa de Moscou (Rússia) do Circuito Mundial de vôlei de praia. Enquanto Alison/Álvaro Filho foi superado pelos letões Samoilovs/Smedins, por 2 sets a 0 (21/12 e 21/16), Talita/Taiana acabou derrotadas pela parceria suíça Heidrich/Vergé-Depré: 2 sets a 1 (21/18, 16/21 e 15/8). 

Esta foi a quarta medalha de Alison/Álvaro Filho na temporada 2019. Eles já haviam sido ouro em Espinho (Portugal) e Kuala Lumpur (Malásia), além de vice-campeões em Viena (Áustria). Com a segunda colocação, a dupla ganhou 720 pontos no ranking mundial e um prêmio de cerca de R$ 64 mil. Eles estão na segunda posição na corrida olímpica, com 5.920 pontos, atrás de Evandro/Bruno Schmidt (6.050).

“Temos conversado sobre a importância de manter uma regularidade. Queríamos o ouro, é claro, mas o objetivo inicial é estar sempre no pódio, disputando medalhas. Os letões foram superiores, mas temos consciência de que estamos trabalhando forte e no caminho certo”, disse Álvaro.

Ainda pelo torneio masculino, Guto/Saymon não conseguiu disputar a medalha de bronze após uma lesão sofrida por Guto. Os brasileiros somaram 560 pontos e receberam aproximadamente R$ 30 mil pela quarta colocação.

Feminino

Talita/Taiana, por sua vez, subiu ao pódio pela primeira vez na temporada. A dupla também soma 720 pontos no ranking mundial, além de receber cerca de R$ 64 mil. Na corrida, elas aparecem na quarta colocação, com 4.280 pontos. Ágatha/Duda lidera com 6.310 pontos. A dupla brasileira saiu do classificatório e disputou também a repescagem. Elas venceram seis partidas e tiveram duas derrotas na capital russa.  

Agora o retrospecto do Brasil em etapas disputadas em Moscou conta com sete medalhas de ouro, 13 de prata e seis de bronze. A competição em Moscou distribui cerca de R$ 1,2 milhão em premiação aos atletas, além de oferecer pontuação alta para o ranking internacional. O próximo desafio dos times brasileiros no Circuito Mundial de vôlei de praia acontece com a etapa cinco estrelas de Roma (Itália), de 4 a 8 de setembro. 

Veja como está a corrida olímpica:

Masculino
Evandro/Bruno Schmdit (RJ/DF) – 6.050 pontos
Alison/Álvaro Filho (ES/PB) – 5.920 pontos
André Stein/George (ES/PB) - 4.770 pontos
Guto/Saymon (RJ/MS) - 3.130 pontos
Pedro Solberg/Vitor Felipe (RJ/PB) - 2.800 pontos

Feminino
Ágatha/Duda (PR/SE) - 6.310 pontos
Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE) - 6.120 pontos
Carol Solberg/Maria Elisa (RJ) – 4.980 pontos
Talita/Taiana (AL/CE) – 4.280 pontos
Fernanda Berti/Bárbara Seixas (RJ) - 3.820 pontos

Fonte: CBV
Outras notícias + Lista completa
Patrocinadores Olímpicos Mundiais
Patrocinadores Oficiais
Apoiadores Oficiais
Parceiros Oficiais
Fornecedores Oficiais