Carregando...

Ski Freestyle

História

A modalidade tem sido praticada desde a década de 1930. As primeiras competições norte-americanas foram realizadas no início da década de 1960. O Aerials fez sua estreia em Jogos Olímpicos de Inverno como esporte de demonstração em 1988 e, a partir de 1994, foi inserido no programa oficial. 

Ski freestyle é dividido em seis disciplinas olímpicas, com categorias femininas e masculinas: moguls, aerials, ski cross, halfpipe, slopestyle e big air.

O aerials fez sua estreia em Jogos Olímpicos de Inverno como esporte de demonstração em 1988 e, a partir de 1994, foi inserido no programa oficial dos Jogos. O moguls começou a fazer parte do programa olímpico em 1992. O ski cross fez sua estreia como evento de medalha em 2010. Por fim, o halfpipe e o slopestyle foram adicionados ao programa olímpico na edição realizada em 2014, enquanto o big air, em 2022. 

Curiosidades

- No moguls, os esquiadores descem no circuito bastante íngreme com moguls (pequenos “morros” de neve). O objetivo é passar pelo percurso da forma mais rápida possível enquanto juízes avaliam a execução de curvas e manobras. Vence quem conseguir a maior pontuação por seus saltos, giros e tempo na rodada final;
- No aerials, a competição é baseada em saltos acrobáticos, que são avaliados de acordo com grau de dificuldade, altura, distância, precisão e execução. O espaço do evento conta com dois planos inclinados. A nota de cada salto é dividida em três quesitos: ar, forma e aterrissagem;
- No ski cross, os atletas descem uma pista preparada na montanha com curvas, saltos, banks, rollers, U-tangs e outros obstáculos;
- No halfpipe, que se parece com o halfpipe de snowboard, a prova é composta por descidas em uma pista em formato de “U” com comprimento entre 100m e 170m, na qual os atletas realizam manobras e são julgados por elas; 
- No slopestyle, os atletas são julgados pelas manobras realizadas, valendo a pontuação da melhor descida ou combinação de notas das descidas. É realizado em uma pista de até 800m de comprimento que conta rampas inclinadas e obstáculos, como corrimões, saltos, bunkers, quarterpipes. As manobras dos atletas durante a apresentação são avaliadas pelos juízes com critérios similares aos da prova de halfpipe;
- No big air, os atletas fazem dois ou mais saltos em uma mega rampa após a descida em uma rampa de aceleração.


Outros esportes