Lais Nunes é ouro e Brasil fecha Pan de luta olímpica com quatro medalhas

Giullia Penalber, Aline Silva e Eduard Soghomonyan também subiram ao pódio

Divulgação/CBLA
29/02/2016 12:29

A seleção brasileira de luta olímpica teve bom desempenho no Campeonato Pan-americano Sênior, disputado neste fim de semana, no Texas, Estados Unidos, e terminou a competição com quatro medalhas. Lais Nunes foi o destaque da equipe nacional, conquistando o título na categoria até 63kg. Giullia Penalber (55kg) e Eduard Soghomonyan (130kg) levaram a prata e Aline Silva (75kg) o bronze.

Na noite de sexta-feira passada, Lais Nunes, mesmo lutando com uma proteção auricular devido a uma lesão na orelha, estreou com vitória sobre a hondurenha Saidy Figueroa por 5 a 2. Já na semifinal, a brasileira venceu a canadense Breanne Leigh por 3 a 1 e, na disputa pelo ouro, bateu a norte-americana Amanda Hendey por 8 a 1 para conquistar seu primeiro Pan-americano Sênior na carreira.

No mesmo dia, Giullia Penalber fez sua primeira luta já na semifinal e, após estar perdendo por 6 a 0, conseguiu a vitória por encostamento sobre a americana Sharon Jacobson. Na final, contra a canadense Samantha Stewart, Giullia abandonou a luta após lesionar o ombro esquerdo e ficou com a medalha de prata.

Único nome da luta olímpica brasileira garantido nos Jogos Rio 2016, Aline Silva venceu a cubana Lisset Echevarria na estreia, mas acabou derrotada pela canadense Justina Distasio por 5 a 2 na semifinal. Na disputa pelo bronze, a brasileira não deu chances a mexicana Diana Gonzales e venceu por encostamento logo no primeiro minuto de luta.

A quarta medalha do Brasil veio neste domingo, no estilo greco-romano. Eduard Soghomonyan, armênio de nascimento que luta pelo Brasil desde 2015, começou o Pan-americano com vitória de 4 a 2 sobre o venezuelano Erwin Cabrera. Nas quartas de final, vitória de 8 a 0 sobre o hondurenho Randy Martinez e, na semifinal, triunfo de 4 a 2 sobre o atleta da casa Toby Ericson. Eduard só foi parado na final, quando perdeu para o cubano Oscar Pino Hinds por 2 a 0, ficando com a medalha de prata.

TAGS: