NATAÇÃO

Na Grécia, a natação era considerada fundamental para a formação física de jovens e de soldados gregos, mas não figurava nas competições dos Jogos da Antiguidade. A partir do século XVII, estilos e regras foram sendo estabelecidos.

No século XIX, a atividade fica em evidência por feitos heroicos como o do nobre britânico Lord Byron. Inspirado em uma história mitológica, ele encarou com sucesso o desafio de atravessar o Estreito de Dardanelos – canal que liga a Europa à Ásia. Outra façanha foi realizada por um soldado de Napoleão Bonaparte que escapou de uma prisão inglesa e atravessou o Canal da Mancha a nado.

Em meados do século XIX já ocorriam algumas competições - a primeira disputa oficial ocorreu na Austrália, em 1958. Dez anos depois, foi a vez de Inglaterra e Estados Unidos realizarem competições.

 

O esporte participou dos Jogos Olímpicos Atenas 1896, os primeiros da Era Moderna, com três provas: 100m, 500m e 1.200 livres. As disputas foram realizadas no mar.

Curiosidades

  • No Brasil, o primeiro campeonato de natação foi promovido em 1898, no Rio de Janeiro, e a prova consistia na travessia de 1.500m entre a Fortaleza de Villegaignon e a praia de Santa Luzia.
  • As piscinas fechadas, exclusivas para competições de natação, só começaram a ser utilizadas entre os anos 1930 e 1940. A determinação das medidas oficiais das piscinas de competição foi feita pela Federação Internacional de Natação (FINA). Calcula-se que numa piscina olímpica de 50m caibam quase 2 milhões de litros de água.


TAGS: