BADMINTON

História

Tudo começou na China, há mais de 2 mil anos. Registros históricos indicam que os chineses praticavam um jogo em que uma peteca era rebatida entre os jogadores com os pés. Com o tempo, uma espécie de raquete ou batedor passou a ser utilizada, tanto pelos chineses quanto pelos indianos, que adotaram o jogo. Foi no início do século XIX, na Índia, que o jogo como se conhece e se pratica hoje começou a ter suas regras consolidadas.

Essa primeira versão competitiva já tinha quadra com dimensões definidas, rede com altura-padrão e regras. Esse jogo, chamado de poona, agradou aos militares do Exército colonial britânico, que passaram a praticá-lo. Ao regressarem à Inglaterra, muitos desses militares levaram o jogo e seus equipamentos ao país, onde ganhou o nome de badminton em homenagem ao duque de Beaufort, entusiasta de vários esportes e um dos pioneiros do squash.

Curiosidades:

- O badminton é o esporte de raquete mais rápido do mundo;
- A primeira participação em Jogos Olímpicos foi em Barcelona 1992;
- Estudos feitos nos Estados Unidos mostram que, em uma partida de simples em badminton, um jogador pode executar cerca de 2 mil golpes. Desse número, mais de 200 serão golpes de força, em jogadas feitas para matar o ponto.

Regras:

Disputado com uma raquete de 67cm e uma peteca de 7cm com peso entre 4,74g e 5,50g, o badminton é parecido com o tênis, porém, jogado em uma quadra reduzida e com uma rede mais alta, a 1,52cm do chão. A modalidade pode ser jogado em simples, duplas ou duplas mistas. A partida é disputada em melhor de três sets de 21 pontos cada. Os pontos são marcados quando a peteca toca a quadra do adversário. Em caso de empate em 20 pontos, vencerá a partida o competidor que abrir dois pontos de vantagem até o limite de 29 pontos. Quando isto acontecer, vence quem marcar o 30º ponto.



TAGS: